terça-feira, 10 de maio de 2011

Aplausos para o STF

O Nosso Dia Branco não poderia deixar passar em branco uma notícia tão importante. O STF reconheceu, por decisão unânime, a união homoafetiva no Brasil. O mundo está reconhecendo a necessidade de respeitar e aceitar a diversidade. E o Brasil está caminhando junto. Isso merece aplausos.



Ficamos muito felizes em saber que mais sonhos serão realizados em nosso país. Mais famílias serão constituídas e o amor poderá ser expressado com maior liberdade e respeito. Aos noivos e noivas homossexuais, os nossos parabéns por essa conquista mais do que merecida!



7 comentários:

  1. Roberta! Realmente acho que agora estamos indo rumo a um país verdadeiramente democrático de direito. Como disse o ministro relator do processo, Ayres Brito: "Não se pode separar por um parágrafo aquilo que a vida uniu pelo afeto!"
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. É verdade Jana, e essa frase diz tudo! Achei muito bacana! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Mudança necessária!
    Não somos todos iguais perante a lei?
    Não faço apologia a homosexualidade, mas temos que respeitar as diferenças!
    Bjks.

    ResponderExcluir
  4. Temos sim, isso é questão de humanidade. Todos temos direito a buscar nossa felicidade, construir nossos sonhos, nossa família. Essa decisão só traz ganhos a todos. Pense na quantidade de crianças que poderão ser adotadas e ter enfim um lar! Eu fiquei muito feliz!

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Vou expressar minha opinião porque acredito que seu blog é democrático. Não tenho preconceito com homosexuais (e quero deixar claro) até poque Deus ama a todos (apenas não aprova algumas atitudes que temos, segundo a Bíblia). Não é esse o conceito que tenho de família, não vou entrar no mérito se é genético ou apenas uma opção, somente acho que as coisas são perfeitas como Deus as criou. Não acredito que isso tenha sido um progresso, acredito que progresso seria se eu pudesse andar sozinha nas ruas a hora que eu quisesse sem medo ou ir a um hospital público e não ficar entre 7 a 8 horas para ser atendida e ver mulheres perdendo seus filhos na porta do hospital por falta de atendimento. Enfim, nossa "justiça" deveria se preocupar primeiro com o bem básico e comum a todos para depois ver interesses de alguns. Apenas Opinião. Respeito a todos.

    ResponderExcluir
  7. Dayla,

    Respeito sua opinião, assim como você respeitou a minha e teve o cuidado de se expressar deixando claro que era apenas a sua visão sobre o tema aqui tratado.

    O blog é sim um espaço democrático e enquanto as pessoas souberem expressar suas opiniões com respeito, assim como você o fez, acredito que estaremos criando um rico espaço de troca de idéias.

    Eu concordo com você que a melhoria da gestão de saúde pública no Brasil tem urgência, mas ela é atribuição do executivo, não tem nenhuma relação com a aprovação da união homoafetiva pelo STF, em minha opinião.

    E ainda, o fato de termos ainda grandes problemas estruturais no país não tira o mérito de decisões tomadas em prol da melhoria de alguns aspectos. Entende?

    Eu entendo que você não reconhece esse passo como um progresso e não pretendo aqui discutir questões religiosas, até porque sei que cada um enxerga Deus de uma forma.

    Apenas quero reafirmar minha opinião a favor da igualdade de direitos entre as pessoas, independente de raça, religião, classe social ou direcionamento sexual.

    Mais uma vez repito que respeito sua opinião, apenas não concordo com ela.

    Bjs

    Beta

    ResponderExcluir